Roquistas #15 | Primeiro Live Rock Festival rompe os limites do Vale do Gravataí e ganha o mundo

Publicado

-

Francisco Álvarez é músico e está em Cáli, acompanhando o festival. Foto: Arquivo Pessoal

O Live Rock Festival está cada vez mais próximo, são menos de 24h para o início do evento. Com isso a festa solidária do rock and roll se expandiu para o mundo inteiro, mostrando a força da música e da internet. De acordo com Daniel Buzato, proprietário do Overdrive, estúdio que será palco do festival, pessoas de diversos países já entraram em contato, buscando informações.

O colombiano Francisco Álvarez ficou sabendo do festival por meio de um grupo no Facebook. “Por ser músico, participo de alguns grupos onde divulgo meu projeto, tive o conhecimento do Live Rock Festival e me encantei com a ideia”, relatou.

Álvarez é o idealizador da Francco’s Band e, de Cáli, vai acompanhar ao vivo todos os passos do nosso festival. Ainda afirmou ser fã da música brasileira e que o Samba e a Bossa Nova são muito populares na Colômbia.

E não é apenas na América Latina que o evento está chamando a atenção. O evento terá ainda um expectador na Indonésia, Dwi Arie Ramdhani. Ele é amigo de um dos membros da Sixx Revenge, uma das atrações do festival. “Também tenho uma banda na Indonésia e devido ao coronavírus está tudo bagunçado, eu sempre apoio tudo sobre a música”.

O Live Rock Festival mostra assim ainda mais o quanto a música é plural e não encontra barreiras em idiomas ou fronteiras. A solidariedade em um momento como o que estamos vivendo uniu Colômbia, Indonésio e Brasil em um só país, onde o Rock fala (toca) mais alto.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *