Colégio Dom Feliciano realiza festa junina com destinação dos lucros a projetos sociais



13445657_1080732718651175_551341219508556389_n

Foto: Colégio Dom Feliciano/Divulgação

Na verdade não teve que não se divertiu no último sábado (11/06). A tradicional festa junina da instituição privada, Dom Feliciano, começou às 10:30 da manhã e só parou às 17 horas. Segundo Ana Cristina, da assessoria de imprensa da escola, o número de pessoas participantes foi estimada em 5 mil durante todo o evento, sendo 2200 alunos e o restante eram ex-alunos e comunidade em geral.

Este ano, a festa comemorou também os 90 anos de atuação do colégio no município. As brincadeiras típicas de festas juninas também se fizeram presentes, como cadeia, pescaria, boca do palhaço e corrida dos cavalinhos. Já nas tendas de comidas juninas, foram servidos churrasquinho, pastel, quentão, cachorro-quente, paçoquinha entre outros.

Ana Cristina explica para o Giro para onde vai todo o lucro da festa: O colégio Dom Feliciano mantém o projeto Presença Solidária, em prédio próprio na Vila Nara – perto da Ulbra. Lá nós atendemos crianças, adolescentes e as mães deles. No caso das mães, esse dinheiro da festa a gente vai usar para comprar matéria-prima para elas fazerem artesanato, sendo que elas vendem esse artesanato aqui na escola mesmo, e assim garantem um dinheiro extra. – explica

Ana explica ainda, que vai acontecer outra festa junina, mas dessa vez na Pastoral da Criança que é onde fica o projeto. Lá, vão participar as crianças e as mães atendidas pelo Presença Solidária no dia 01 de julho.

Para fechar com chave de ouro a festa junina do Dom Feliciano, as crianças dos anos iniciais e os alunos do ensino médio fizeram uma apresentação artística no novo complexo esportivo da escola, que leva o nome da Irmã Ottília Zilles. Com certeza os pais ficaram orgulhosos de seus filhos e a festa junina do ano que vem promete.


Escreva um comentário

Ver todos os comentários  

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *