Destaque Home

Em ação sigilosa, cervos do Pampas Safari foram sacrificados

Publicado

-

Foi na calada da noite que cerca de 300 cervos do Pampas Safari, em Gravataí, foram abatidos.  O transporte e o extermínio dos animais ocorreu entre 30 de novembro e 12 de dezembro. A ação foi sigilosa, mas com a autorização da Secretaria Estadual da Agricultura e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Os animais foram mortos  em um abatedouro de Santa Maria do Herval.

Em agosto do ano passado, a Justiça proibiu o abate, após um pedido feito pela deputada Regina Becker Fortunati. Havia suspeita de que os animais estivessem com tuberculose. Na época, o Ibama informou que o objetivo do abate era diminuir os riscos à saúde humana e de animais no entorno. O Pampas Safari foi interditado em 2013 por descontrole na saúde dos animais. 

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias