Presos os suspeitos de participar da morte de adolescente em Gravataí

“Menos de 20 horas” – esse foi o tempo que os Policias do Pelotão de Operações Especiais (POE) de Gravataí, levaram para prender quatro pessoas, aonde duas delas são suspeitas de terem participado do tiroteio que matou o adolescente, Leonardo Nascimento, 13 anos,  e feriu outro de 14, na noite da última quinta-feira (30), em Gravataí.

Segundo a BM, através de uma denúncia, os policias foram até uma residência aonde prenderam quatro pessoas, todas elas com antecedentes criminais. Lucas Dornelles, vulgo “pocotó”, Emerson Mendes, 23, Gustavo Holkem, 22, e Camila Tonial de 18.

Dentro da residência os policias encontraram R$ 1.048,00, porções de maconha, crack, cocaína, uma balança de precisão e um revólver calibre 38 de numeração raspada.

Em uma conversa com os PMs, Lucas e Emerson confessaram que participaram do tiroteio que vitimou um adolescente de 13 anos no Beco Iraí, no Bairro Castelo Branco. O motivo do crime não foi revelado pelos jovens. Eles foram presos por tráfico de drogas e associação ao tráfico. A Polícia agora  aguarda o final da investigação para indiciar Lucas e Emerson pelos crimes de homicídio. Eles foram encaminhados para o sistema prisional.


Escreva um comentário

ver mais comentários  

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Campos obrigatórios marcados como *