Para frear a criminalidade em Gravataí, BM aposta na integração com a Guarda e a aproximação com a comunidade



Gabriel Siota Ganzer – Giro de Gravataí

A Brigada Militar de Gravataí está apostando em uma nova tática para coibir os altos índices da criminalidade no município. O trabalho consiste em aproximar ainda mais a BM da comunidade e também a integração e união com os demais órgãos da área da segurança pública.

O 17º BPM, em Gravataí, além de manter seus projetos sociais, também aposta em um serviço com base em dados e estudos.  Um veículo motorhome usado para o monitoramento,  está servindo como base para a população. Através do setor de inteligência da BM, é feito um levantamento das áreas deflagradas no município e lá como forma de proteção para a comunidade, se coloca o veículo onde no mesmo os populares podem pedir informações, fazer denúncias e também o registro de ocorrências.

Segundo o Capitão, Douglas Rossato, o efetivo da Brigada Militar no município, se desdobra em funções ostensivas para coibir o tráfico de drogas. “O ostensivo da Brigada está forte em Gravataí. Estamos buscando sempre atuar de forma mais tática e preventiva. Em 2016 estamos realizando diversas prisões, principalmente por arma e droga, assim freando a criminalidade no município”.

O Batalhão ainda conta com uma colaboração maior, pois como explica o Capitão, de 15 em 15 dias, o efetivo administrativo também vai para as ruas ajudar no policiamento ostensivo,  ficando a disposição da comunidade, ainda segundo ele, foi uma forma de reforçar o policiamento já que sabemos da falta de efetivo que a Brigada Militar tem em todo o estado.

Integração de órgãos da segurança pública

A Brigada Militar de Gravataí além de apresentar uma maior aproximação com a comunidade busca sempre o trabalho integrado com os demais órgãos. Diversas às vezes, são realizadas no município, operações entre a BM e Guarda Municipal. Rossato explica que existe hoje, uma troca de informação entre as duas forças, o que antes não existia. “Estamos trabalhando em conjunto, trocando informações, fazendo operações e prevenções juntas, isso tudo soma para que possamos trazer mais segurança para o município, coisa que não se vê muitas vezes em outros municípios”.

O servidor e atual responsável pela Secretaria Municipal para Assuntos de Segurança Pública (SMASP), André da Silva Brito, confirma a versão de Rossato e também avalia a integração da Guarda com a BM um benefício contra a criminalidade e garante que a união das duas forças torna o trabalho preventivo e mais eficiente.  “Hoje a Guarda atua em diversas ações com a BM. Particularmente nos damos muito bem e trocamos informações para juntos poder trazer segurança para o município. Aqui em Gravataí, somos modelos para outros municípios que não tem essa integração entre os órgãos. Essa união é fundamental para proteger a população de Gravataí.” Finalizou ele.


Escreva um comentário

Ver todos os comentários  

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *