FMMA consegue liminar e suspende novamente a retirada de cervos do Pampa Safari

Ativistas se mobilizaram em frente ao parque-safari | Foto: FMMA 

O caso envolvendo a matança dos mais de 300 cervos do Pampa Safari teve mais um capítulo na tarde desta terça-feira (29). Há poucos minutos, a Fundação Municipal do Meio Ambiente (FMMA) de Gravataí conseguiu uma liminar, através do Ministério Público (MP), para que fosse suspensa a última decisão sobre o caso. Essa que autorizava o Guia de Transporte Animal (GTA).

A movimentação em frente ao parque foi intensa durante toda a tarde. Ativistas fizeram campana contra a derrubada da liminar, que poderia autorizar os funcionários a fazerem o remanejo dos animais. De acordo com um dos agentes da FMMA, que conversou com o Giro de Gravataí, informou que a decisão preocupava a instituição, pois os animais sairiam do local, direto para um frigorifico na Morungava, onde seriam abatidos. O agente ainda garante que nem todos estariam contaminados com tuberculose. O caso segue tramitando na justiça.


Escreva um comentário

ver mais comentários  

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Campos obrigatórios marcados como *