Estelionatários se passam por funcionários da prefeitura para aplicar golpes em Gravataí



Sede da Prefeitura Municipal de Gravataí /Foto: Zero Hora

Os funcionários de uma agência bancária do Centro de Gravataí alertaram autoridades do município sobre um novo golpe que vem sendo aplicado em clientes do banco na cidade e região. O esquema envolve pelo menos três pessoas e é aplicado em nome da Prefeitura Municipal de Gravataí.

Como tudo funciona

Três pessoas com crachás e jalecos da Prefeitura de Gravataí chegam até a residência, preferencialmente de pessoas idosas, e perguntam se os mesmos fazem o uso de remédios controlados. Neste momento eles informaram que estão cadastrando os idosos em um programa que fará a entrega destes medicamentos em casa. Para isso pedem o cartão e a senha das vítimas, com a desculpa de que será debitada uma pequena taxa sobre o serviço.

Sem que a vítima perceba, um dos estelionatários faz o cadastro para o suposto recebimento dos medicamentos e guarda o cartão da vítima. Em questão de horas os criminosos fazem a limpa nas contas bancárias.

De acordo com funcionários do banco, pelo menos três pessoas já caíram no golpe dos remédios à domicílio. Ainda segundo eles, outras três vítimas compareceram na agência na última semana para realizar saques. O investimento seria colocado no famoso “bilhete premiado” – golpe que também já foi aplicado no município.

Conforme a assessoria do vereador Wagner Padilha (PSB), que recebeu as denúncias, uma das vítimas entrou em contato para confirmar que sofreu o golpe, mas ela não quis se identificar por medo de represálias. Em um vídeo nas redes sociais, o vereador alertou a população sobre a ação dos estelionatários no município. O caso foi registrado na delegacia da cidade e será investigado pela Polícia Civil.

Prefeitura esclarece

A Prefeitura de Gravataí informa que todo e qualquer serviço público prestado à população é único e exclusivamente gratuito, sendo que nenhum funcionário está autorizado a cobrar qualquer valor pela realização do mesmo. Portanto, a cobrança de taxas como referido, é ilegal e não se aplica. Estas pessoas estão agindo de má fé, valendo-se do nome da Prefeitura, e qualquer denúncia neste sentido deve ser encaminhada através da Ouvidoria pelos telefones 0800.510.9956 e 3600.7028, pelo site www.gravatai.rs.gov.br, ou por e-mail [email protected] .