Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Destaque Home

Espetáculos encantam o público no encerramento das Oficinas de Teatro

Publicado

-

O encerramento das Oficinas de Teatro ficou marcado por uma noite que misturou fofura, nostalgia, reflexão e intensidade.  Realizada no Teatro do Sesc, na terça-feira, 18, o evento levou um ótimo público à plateia, fechando com chave de ouro todo o processo de aprendizagem realizado nos quatro meses de oficina. As Oficinas de Arte são uma iniciativa da Prefeitura de Gravataí, por meio da Secretaria da Cultura, Esporte e Lazer (SMCEL).

Logo no ato de abertura, Fernanda Fraga, secretária da Cultura, Esporte e Lazer, ressaltou a importância das Oficinas para o âmbito cultural da cidade. “Temos um carinho enorme pelas Oficinas de Arte, por conseguirmos oportunizar para tantas pessoas uma inserção no meio da arte e cultura. As Oficinas foram retomadas no Governo do Prefeito Marco Alba, que preza muito por atividades como esta”, afirmou.

Abrindo a noite de espetáculos, o Teatro Infantil – Nível II, subiu ao palco com a peça “O Boi e o Burro no Caminho de Belém”, adaptação do original de Maria Clara Machado. Com direção de Izabel Cristina, o grupo montou seu próprio Auto de Natal, trazendo ao público a essência da festividade.

Na segunda apresentação, a turma do Teatro Infantil – Nível I levou ao público o “O Misterioso Baú”, com direção de João Lima. A história apresentou através de um velho baú do avô, o resgate de antigas brincadeiras para as crianças de hoje em dia. Com uma linguagem moderna e atual, a peça trouxe a nostalgia ao palco do Sesc.

O Grupo de Teatro Juvenil impactou o público com o espetáculo “O (in)Verso do Verso”, com a direção de Izabel Cristina. Com o figurino inteiro sendo preto, e uma iluminação forte, a peça apresentou uma discussão social e humana, questionando em que momento o mundo se desumanizou, deixando de lado a compreensão da diferença entre nós.

Finalizando a noite, o Grupo de Teatro Adulto emocionou o público com a peça “Teima Filho, Teima que Dá” (Versão Gravataí). Também com direção de Izabel Cristina, a história apresentou a vida de Severino, com suas angústias e anseios de uma vida sofrida. Inspirado nas obras “Morte e Vida Severina”, de João Cabral de Melo Neto e “Vidas Secas”, de Graciliano Ramos, o espetáculo trouxe à cena uma abordagem social, contemporânea, poética e performática, levando até mesmo o público às lágrimas.

Encerrando o calendário de apresentações das Oficinas de Arte 2018, hoje, 20, as Danças de Rua, Salão e Ventre, além da Capoeira e do Hip Hop, demonstrarão seu repertório no Gravataí Shopping Center, a partir das 19h.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias