Em dez dias: 99 famílias rumo ao Novo Mundo

Foto: Paulo Oliveira | Prefeitura Municipal de Gravataí

A manhã desta quarta-feira (30) foi de alegria e realização de um sonho para mais de 500 pessoas, moradoras da região da Vila Maria, na parada 61 de Gravataí. O contrato assinado pelo prefeito Marco Alba e os representantes da Caixa Econômica Federal, garantiu 99 casas para as famílias, que hoje vivem em situação de vulnerabilidade no município.

Com um investimento de aproximadamente R$ 7 milhões, ergueu-se as residências, cada uma com dois quartos, uma cozinha conjugada com a sala e um banheiro. Nos fundos, um pequeno pátio que serve também como área de serviço. Ao todo, 48m². Todas elas com o sistema que utiliza o calor do sol para aquecer a água.

“Estamos celebrando a vitória da população e do processo político”

 Esta foi uma das frases ditas durante o discurso do prefeito Marco Alba. Ele destacou a importância da força de vontade por parte do governo municipal . “Quando nós fazemos a entrega de uma grande obra ou investimento, devemos celebrar, e muito, pois é uma vitória para população e um demonstrativo de que a política funciona.”, contou ele.

Marco também ressaltou um pouco de todo o processo realizado até a assinatura de entrega das residências aos novos moradores. ” Lá em 2015 vocês, moradores da região da Vila Maria, sofreram com os alagamentos e penaram durante anos e anos sem nenhum tipo de assistência por parte do governo municipal. Essa conquista trará felicidade e também dignidade”, finalizou o prefeito.

O Giro de Gravataí transmitiu ao vivo a assinatura do contrato. Assista na íntegra (clicando aqui)

De acordo com a a Prefeitura de Gravataí, o próximo passo é aguardar a autorização do governo federal para que os moradores possam receber as chaves de suas casas.  A previsão é de que no máximo em dez dias seja autorizada a entrada das famílias em suas novas residências.


Escreva um comentário

ver mais comentários  

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Campos obrigatórios marcados como *