Condutor de caminhão envolvido em acidente na ERS-118 se apresenta à polícia em Gravataí



Caminhão foi apreendido para perícia | Foto: Gabriel Siota Ganzer

Foi no início da tarde desta segunda-feira (14), que o condutor do caminhão envolvido no acidente que vitimou a jovem Carol Silveira, 16 anos, e deixou outras cinco pessoas feridas, se apresentou na 1 DP de Gravataí, responsável pela investigação do caso.

Acompanhado de dois advogados, ele falou ao Giro de Gravataí que trafegava por uma via lateral à ERS-118, no sentido Gravataí/Sapucaia do Sul, quando o veículo, uma Fiat/Fiorino, furou o sinal e passou em frente ao caminhão, vindo a colidir com a parte lateral/traseira do veículo, que logo após capotou.

O motorista informa que não viu o momento do capotamento, e contou que não parou no local por não saber ao certo se havia colidido acidentalmente ou seria algum tipo de assalto, segundo ele, corriqueiro em rodovias desertas como a 118.

O caminhão será encaminhado para a perícia. O condutor apresentou também exames que comprovam que ele não havia ingerido nenhum tipo de substância antes e após o acidente. Após o depoimento, ele foi liberado e ficará á disposição da polícia até o fechamento do inquérito.

Entenda o caso:

Uma jovem morreu e outras cinco pessoas ficaram feridas em um acidente no cruzamento da Avenida Itacolomi com a ERS-118, na madrugada do último sábado (12), em Gravataí. De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o condutor da Fiorino ultrapassou o sinal vermelho e colidiu com um caminhão que trafegada no sentido Gravataí/Sapucaia.

Conforme testemunhas, oito jovens estavam no veículo no momento da colisão. Dois deles na parte da frente, e outros seis no compartimento de cargas do veículo. A vítima fatal, arremessada para fora do carro na batida, foi identificada como Carol Silveira, 16 anos. Ainda segundo populares, pelo menos dois jovens retiraram duas garrafas de bebidas alcoólicas de dentro do carro.

O condutor do veículo foi levado ao hospital e foi constatado que o mesmo havia ingerido bebido alcoólica. Ele contou aos policiais que não parou no sinal vermelho por questões de segurança. Uma das cinco vítimas atendidas segue internada em estado grave no Hospital Dom João Becker, em Gravataí.


Escreva um comentário

ver mais comentários  

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *