Autoridade de quatro patas: conheça o Canil da Brigada Militar de Gravataí



cabeçalho

Gabriel Siota Ganzer – Giro de Gravataí

É comum para comerciantes e lojistas ao longo da Avenida José Loureiro da Silva se depararem com policiais da Brigada Militar de Gravataí patrulhando as ruas acompanhados de cães. Isso porque o Canil do 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Gravataí é considerado um dos mais ativos do Estado e reconhecido até pelos melhores canis do Brasil.

Diariamente, a viatura com os animais sai para o patrulhamento nos bairros do município. Além de participarem das rondas ostensivas, os cães são utilizados para serviços de revista em delegacias e até para apresentações em escolas da cidade.

A rede social a serviço da população

Outra solução usada por comerciantes de Gravataí é a interação através de aplicativos. Policiais do 17º BPM participam de grupos de WhatsApp por meio dos quais proprietários e funcionários atualizam sobre a situação de seu estabelecimento e pedem ajuda quando necessário. Os bancários do município também criaram um grupo e ficam conectados aos policiais 24 horas por dia. Os cães são solicitados para revistas no interior de estabelecimentos e agências.

O canil da BM conta hoje com seis cães policiais e outros sete com “duplo emprego”, denominação dada aos animais que possuem duas ou mais especialidades.

“O nosso canil foi criado através de uma demanda da comunidade. Foi para suprir a necessidade da população e também para ajudar o policial em algumas ações. Hoje temos cães de faro de drogas e até especializados em faro de explosivos. Nós vivemos e respiramos isso aqui, temos orgulho de ter esse companheiro de quatro patas ao nosso lado”, ressaltou o sargento Araújo, um dos criadores do Canil do 17º BPM.

O suposto fechamento do Canil

14563294_570311526485741_1466166755307182279_nDesde que foi feita uma visita do Comando Regional da Brigada Militar, policiais não conseguem mais trabalhar na mesma tranquilidade, já que ventila a suspeita de que o Canil poderá fechar. A ideia teria partido do comando geral da Brigada Militar, que visa à regionalização do Canil.

De acordo com o ex-comandante do 17º BPM de Gravataí, major Couto, o projeto já teria sido feito e estaria esperando por análise para ser posto em prática. Ainda segundo o major, se aprovado, a população gravataiense seria prejudicada devido ao ótimo serviço que o Canil da BM presta no município.

“Eles querem regionalizar, tirar o Canil de Gravataí e deixar apenas um em Canoas. No entanto, se algo acontecer em Glorinha, os cães de lá irão demorar horas até chegar ao município, que também é de nossa competência. Isso inviabiliza nosso trabalho. O Canil do 17º é um dos mais conhecidos do Estado, isso sem contar que os policiais fazem muito mais do que o próprio serviço, eles têm amor pelos cães e fazem aquilo com muita satisfação. Seria um lástima tirar esse serviço essencial. Não é só Gravataí, cidades como Cachoeirinha, Glorinha e até Porto Alegre irão perder muito com a retirada desse serviço”, relatou Couto.

População unida em apoio ao Canil ORIGINAL

Seja nas redes sociais ou até mesmo nas ruas, o que não falta é moradores agradecendo o trabalho do Canil no município. Pelo Facebook, diversos populares publicaram fotos com placas pedindo o não fechamento do Canil. Com as hashtags #Canil17BPM #EuApoio, eles promoveram uma febre na rede social e levantaram a bandeira para que o serviço não seja retirado do município. Na foto, Kauany Gotim e Henrique da Silva declaram apoio ao canil.

Autoridades também são contra o fechamento

De acordo com o titular da Secretaria Municipal para Assuntos de Segurança Pública (SMASP), André Brito, o Canil da Brigada Militar de Gravataí é referência no estado e um grande aliado para o patrulhamento ostensivo. Ainda segundo André, diversas medidas foram pensadas para manter o canil em Gravataí, ele também se diz otimista pela permanência do serviço no município.

“Ficamos sabendo desse suposto fechamento e logo tomamos uma posição. Não só somos contrários ao fechamento, como também já tratamos deste assunto. Conversei com o Marco Alba e ele também está unindo forças para que o canil não saia do município. O serviço que é realizado é precioso, vamos batalhar para manter o pessoal com esse serviço no município, contou Brito.

faixa


Escreva um comentário

Ver todos os comentários  

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *