Política

Artigo | A minha Gravataí do Amanhã…#prioridadeéopovo: Claiton Manfro

Publicado

-

Tenho orgulho em dizer que sou filho de Gravataí, esta cidade extraordinária – cheia de riquezas naturais e culturais, com um povo trabalhador e com uma bela história. Nos últimos anos, atuando como Secretário de Governança e Comunicação, tive a oportunidade de conhecer, ainda mais, a realidade de nossa população.

Foto: Claiton Manfro é presidente do PL/Divulgação

Nesse período, visitei todos os bairros e vilas de nossa cidade e acompanhei, de perto, as dificuldades enfrentadas cotidianamente. Infelizmente, ainda temos problemas graves para resolver. Precisamos melhorar a mobilidade urbana, dar mais atenção as pessoas com deficiência, ampliar a oferta de postos de trabalho – investindo no empreendedorismo social.

É necessário criar políticas de incentivo aos pequenos agricultores, investir mais e de forma objetiva, em nossos artistas locais, ampliar os investimentos em saúde preventiva e a quantidade de vagas na educação infantil, entre tantas outras “coisas”.

Sei que cada Prefeito, ao longo da história de Gravataí e, do seu jeito – a partir de suas opções políticas/ideológicas, contribuiu ou tentou contribuir para melhorar a qualidade de vida da comunidade. Sei que os representantes do poder legislativo também seguiram este caminho, ajudaram a construir uma cidade melhor para todos.

Não é lógico pensar que os candidatos disputam os espaços políticos para depois fazerem “o mal” ou para prejudicarem seus eleitores, em meu ponto de vista, o que nos faz pensar que um Prefeito ou um Vereador é bom e que o outro é ruim é soma de três fatores que se desdobram ou refletem concretamente na vida da população: a (in) capacidade administrativa ou incompetência, a corrupção e a falta de informação sobre o verdadeiro papel do Estado (Prefeitura).

Obviamente, tanto uma gestão incompetente, quanto uma corrupta são prejudiciais a cidade, portanto, o que precisamos (nós todos) fazer é eliminar a incompetência e a corrupção do setor público e dar poder ao povo, a partir do repasse de informações e da ampliação do conhecimento sobre as ações da Gestão Pública.

Atacando esses males que estão na base de diversas gestões, pelo país a fora, resolveremos problemas básicos pois, certamente romperemos com a política assistencialista (do toma lá dá cá, do jeitinho, do favorzinho), teremos uma gestão mais eficiente-ágil e sintonizada com os anseios da população e com as mudanças que ocorrem, quase instantaneamente, em nosso sociedade.

Enfim, quero ser Prefeito para operar estas mudanças em Gravataí – servir como agente de transformação e ampliação da qualidade de vida, pois, na visão do PL, a prioridade é o povo.

_______________________________________________________________________________

Paulo Silveira, Sadao Makino, Luiz Zafalon, Jones Martins e Dimas terão seus artigos publicados em breve. Os demais candidatos consultados não encaminharam os textos à editoria de política.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias